MENU

23/06/2021 às 02h02min - Atualizada em 23/06/2021 às 02h02min

O que acontece em Vegas…

Em noite inspirada, Montreal Canadiens vence jogo 5 e pode voltar à final da Stanley Cup

Ethan Miller/Getty Images

Muitos jovens devem ter assistido ao filme “The Hangover”(Se beber, não case). Neste longa-metragem, amigos entendem que estar em Las Vegas para uma despedida de solteiro pode se tornar um verdadeiro desastre. E o Montreal Canadiens mostrou que ir a Vegas nem sempre é tão ruim assim.

A equipe tricolor voltou ao solo americano após ter perdido a quarta partida da série, deixando tudo igual nas semifinais da Stanley Cup (2-2). O Golden Knights contava com o apoio de quase 18 mil torcedores, que lotavam a T-Mobile Arena. Mesmo assim, o Habs não se apequenou diante das adversidades e partiu para cima desde o início.

Logo na primeira etapa, o Canadiens mostrou sua disciplina tática. Com um minuto teve um Power Play desfavorável, mas não deu chances a equipe da casa. E logo aos 8:45, Kotkaniemi abriu o marcador após belo contra-ataque iniciado por Paul Byron.O resultado adverso dentro de sua própria Arena forçou o Golden Knights a se expôr. Shea Theodore parou no invencível Carey Price, que mais uma vez, fez uma partida quase perfeita. Outro que deu trabalho ao goleiro do Habs foi Alex Pietrangelo. O atacante do Vegas insistia em arremates de longa distância, mas sem sucesso.

No segundo período, aos 6:32, Eric Staal aproveitou passe magistral de Suzuki e finalizou no ângulo esquerdo de Fleury, que nada pôde fazer. E três minutos depois foi a vez de Corey Perry servir Cole Caufield, que aumentou a vantagem do Montreal Canadiens.
A equipe americana estava abalada e sem reação. A ida aos vestiários era a única solução para diminuir aquele desastre. E na volta do intervalo, os mandantes se lançaram ao ataque. A torcida estava incrédula ao ver tanta apatia. Até que Max Pacioretty, aos 4:09, diminuiu e jogou fogo no gelo.

Mas a noite era dos ‘adolescentes’ do Quebéc. Nick Suzuki aproveitou a substituição do goleiro Fleury por um jogador de linha, roubou o puck e deu números finais à partida cinco (4-1), colocando o Montreal Canadiens em vantagem na série (3-2), que pode ser decidida na próxima quinta-feira, no Centre Bell.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você vai se imunizar contra o novo coronavírus (Covid-19)?

87.6%
4.7%
7.6%