MENU

14/07/2021 às 14h17min - Atualizada em 14/07/2021 às 14h17min

5º corpo recuperado do local de guindaste colapsado em Kelowna, B.C.

Identidade das vítimas não foram divulgadas pela polícia mas três foram identificadas pelos veículos de comunicação

Redação North News
CTV News
CTV News

VANCOUVER - Uma equipe especializada recuperou o quinto corpo da cena do colapso do guindaste em Kelowna, B.C.

 

Um porta-voz da Força-Tarefa 1 do Canadá, composta por uma equipe de bombeiros, paramédicos e engenheiros, disse que o corpo foi recuperado na manhã desta quarta-feira, 14.

 

Cinco pessoas morreram quando um guindaste preso a um arranha-céu em construção desabou de repente na manhã de segunda-feira, enquanto estava sendo desmontado.

 

"Quando chegamos ao local, nos encontramos com o engenheiro de colapso estrutural já no local de Kelowna, bem como o engenheiro da empresa de guindastes e os usamos para acessar suas perspectivas quanto aos perigos", disse o Assistente Chefe Dave Boone, diretor da Força-Tarefa 1 do Canadá.

 

"É claro que também fizemos nossa própria avaliação... trabalhamos com nosso próprio engenheiro estrutural", explicou ele.

 

Ele diz que a operação foi bastante complexa no que diz respeito à carga não protegida que permaneceu no prédio acima da vítima. Ele diz que a equipe elaborou um plano para proteger a carga.

 

“Assim que pudermos fazer isso, poderemos remover alguns destroços da vítima e extrair a quinta vítima”, disse ele.

 

Nenhum dos cinco foi identificado pelas autoridades, mas a Polícia Montada disse que quatro estavam trabalhando no local. O quinto, cujo corpo estava enterrado sob os escombros, estava trabalhando em um prédio próximo quando parte do guindaste bateu nele.

 

Um dos homens que morreu foi Jared Zook, um rapaz de 32 anos que se mudou de Edmonton para trabalhar como montador de guindastes.

 

Seus pais disseram ao CTV News na terça-feira (13), durante uma visita ao local, que Zook amava seu trabalho.

 

Dois outros foram identificados em uma arrecadação de fundos online como irmãos Patrick e Eric Stemmer, cuja empresa familiar, a Stemmer Construction, também estava envolvida na construção da Torre do Brooklyn no centro de Kelowna.

 

A lança do guindaste foi estendida em direção ao topo da torre - que terá 25 andares de altura quando concluída - quando desabou, atingindo os prédios abaixo.

 

Uma sexta pessoa ficou ferida no incidente e foi levada ao hospital para tratamento, a RCMP descreveu como lesões sem risco de morte.

 

Ainda não se sabe o que causou o colapso, e as investigações estão sendo conduzidas tanto pelo destacamento local da RCMP quanto por funcionários do WorkSafeBC, o conselho de compensação dos trabalhadores da província.

 

Após o colapso, um estado de emergência local foi posto em prática, que a RCMP disse que seria suspenso quando a área fosse protegida.

 

Naquele dia, os impactados teriam permissão para entrar para pegar seus carros e tudo o mais que restasse quando a área fosse evacuada.


Co-autora: Amanda Rodrigues Leal


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você vai se imunizar contra o novo coronavírus (Covid-19)?

86.4%
5.2%
8.4%