MENU

20/08/2021 às 10h38min - Atualizada em 20/08/2021 às 10h38min

PC Party de Ontário pede desculpas pela carta de 'fatura' para arrecadação de fundos

Alguns apoiadores do partido receberam cartas que faziam uma cobrança de $ 500 ao invés de um simples pedido de doação

Redação North News
680 News
680 News

O Partido Conservador Progressista de Ontário se desculpou por enviar uma carta de arrecadação de fundos para alguns residentes que parecia uma fatura.

 

Os liberais pediram uma investigação policial depois que a carta, que tinha a palavra “fatura” escrita em grandes letras em negrito no topo, foi enviada.

 

Uma das cartas obtidas por 680 NEWS mostra "Saldo devido $ 500" escrito na parte inferior e "Por favor, responda hoje."

 

Em uma declaração do PC Party, eles disseram: “Em nenhum momento foi nossa intenção enganar nossos defensores dos valores”.

 

“Lamentamos que esta correspondência tenha sido enviada a um grupo limitado de apoiadores por um de nossos fornecedores e não acontecerá novamente. Pedimos desculpas por qualquer confusão ou frustração que isso possa ter causado”, continuou o comunicado.

 

A líder do NDP, Andrea Horwath, disse na quinta-feira (19) que o partido deveria devolver todo o dinheiro coletado por meio da carta, chamando-a de "esquema fraudulento de correspondência".

 

“É muito chocante e muito enganoso o que está acontecendo aqui”, disse Horwath sobre as cartas. “Ontem, eu estava chamando de golpe por correspondência porque é isso que estamos ouvindo, que isso pode na verdade violar algumas leis federais sobre golpes de correspondência, então estamos investigando isso agora.”

 

Taras Natyshak, crítica de ética do NDP, disse que escreveu uma carta ao chefe oficial eleitoral nas Eleições de Ontário em resposta ao documento.

 

Quando contatado na quarta-feira, 18, o Elections Ontario disse que não comentaria "se recebeu ou não uma reclamação ou se está ou não investigando um assunto".


Co-autora: Amanda Rodrigues Leal


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você vai se imunizar contra o novo coronavírus (Covid-19)?

87.5%
4.8%
7.7%