MENU

16/11/2021 às 11h02min - Atualizada em 16/11/2021 às 11h02min

A Canadian Blood Services quer mudar a forma de triagem para aceitar doações de homens gays e bissexuais

A instituição acredita que é o comportamento sexual que deve ser analisado nas triagens e não a orientação

Redação North News
City News
Getty

O fim da proibição de doação de sangue para gays e bissexuais será recomendado dentro de semanas em favor de novos critérios de triagem com base no histórico sexual e comportamento.

 

A Canadian Blood Services está se preparando para pedir à Health Canada que lhe permita eliminar as perguntas sobre gênero ou sexualidade, baseando a triagem em comportamentos sexuais de alto risco.

 

Os doadores em potencial podem ser questionados se eles tiveram múltiplos parceiros sexuais e sobre seu comportamento sexual em vez de sua sexualidade e gênero.

 

Atualmente, os homens que se oferecem para doar sangue são questionados se fizeram sexo com um homem nos últimos três meses.

 

A porta-voz do Canadian Blood Services, Catherine Lewis, disse que o comportamento sexual, e não a orientação sexual, determina o risco de transmissão sexual do HIV.

 

Os critérios propostos terão como objetivo identificar de forma precisa e confiável as pessoas que podem ter tido uma infecção, independente do sexo ou orientação sexual.


Co-autora: Amanda Rodrigues Leal


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você vai se imunizar contra o novo coronavírus (Covid-19)?

87.6%
5.1%
7.3%