MENU

29/01/2021 às 22h58min - Atualizada em 29/01/2021 às 22h58min

Com corte, Moderna deixa de entregar 20% das doses programadas para o Canadá

Canadá deveria receber 230 mil doses na próxima semana, mas a realidade será outra

Redação North News
REUTERS/Eduardo Munoz
Assim como a Pfizer-BioNTech, a Moderna também anunciou um corte no envio de vacinas ao Canadá. A informação foi confirmada pelo primeiro-ministro Justin Trudeau. 

Para a próxima semana, a farmacêutica, que fica em Massachusetts, entregará mais de 20% a menos das doses estimadas para a próxima semana. O Canadá deveria receber 230 mil doses do imunizante e agora, com a mudança, receberá 180 mil, uma diferença de 50 mil.

O motivo do atraso na entrega, segundo Trudeau, está relacionado a "certas preocupações em torno do processo de fabricação". “Esse atraso temporário não muda o fato de que ainda receberemos dois milhões de doses da vacina Moderna antes do final de março, como dizemos há meses”, garantiu o primeiro-ministro. 

Esses cortes também estão sendo vistos em outros países, como Itália, França e Suíça.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você vai se imunizar contra o novo coronavírus (Covid-19)?

87.5%
4.2%
8.3%