MENU

22/02/2021 às 10h33min - Atualizada em 22/02/2021 às 10h33min

Garrafas são atiradas do 35º andar para a rua, no centro de Toronto; 4 homens acusados criminalmente

Felizmente não houve feridos, porém a polícia acredita que se alguém tivesse sido atingido pelas garrafas, "o dano teria sido mortal"

Redação North News
com informações do CP24
Foto: Simon Sheehan/CP24
 
Quatro suspeitos estão enfrentando acusações criminais depois que garrafas de bebidas alcoólicas foram atiradas da varanda do 35º andar de um prédio para a rua durante uma festa, no centro de Toronto, na tarde desse domingo (21).

A polícia foi chamada a um prédio de condomínio na área de York Street e Lake Shore Boulevard, logo após as 14h30, para averiguar denúncias de uma grande reunião. Quando os policiais chegaram, eles testemunharam garrafas sendo jogadas da varanda para a rua e imediatamente fecharam a York Street em ambas as direções.

Segundo a polícia, a maioria das garrafas caiu no toldo de uma loja abaixo, mas algumas acabaram na rua.

Ao CP24 a policial Laura Brabant afirmou que após fecharem a rua para a segurança de pedestres e motoristas, os policiais acabaram "se tornaram alvos das garrafas que estavam sendo jogadas". Os policiais foram imediatamente para o 35º andar, entraram em uma unidade e localizaram várias pessoas que "pareciam estar em uma festa".

“Com a ajuda de membros do público que forneceram evidências de vídeo e fotografias, pudemos identificar quatro homens que foram acusados ​​criminalmente”, disse Brabant. Três dos homens são de Toronto e um é residente de Hamilton. Cada um deles foi acusado de incômodo comum e dano que põe em risco a vida.

Além disso, sete pessoas também foram acusadas de não cumprimento das ordens de emergência sob a Lei de Reabertura de Ontário. Toronto está atualmente sob uma ordem de permanência em casa que proíbe as pessoas de se reunirem em ambientes fechados com pessoas que não sejam de sua própria casa.

Felizmente não houve feridos, porém Brabant afirmou que se alguém tivesse sido atingido pelas garrafas, "o dano teria sido mortal". “Jogar qualquer coisa pela varanda é imprudente, é irresponsável, e você não percebe o dano que pode causar a alguém ou mesmo se bater em um veículo. Muitas pessoas estavam do lado de fora durante o dia, aproveitando o bom tempo - muito tráfego de pedestres. As pessoas estavam tomando ar fresco. Qualquer um poderia ter se ferido durante o incidente", finalizou Brabant.

Ainda segundo a polícia, a suposta festa teria começado na noite de sábado e durado a noite toda. A rua onde as garrafas foram atiradas precisou ficar fechada para investigação policial e limpeza.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você vai se imunizar contra o novo coronavírus (Covid-19)?

84.3%
4.3%
11.4%