MENU

03/03/2021 às 12h57min - Atualizada em 03/03/2021 às 12h57min

Covid-19: mais 61 voos com passageiros infectados chegam a Toronto

Dos voos, 41 são internacionais e 20 domésticos

Redação North News
com informações do Daily Hive
Foto: sockagphoto/Shutterstock
 
Desde o final de fevereiro, o governo canadense identificou mais 61 casos de COVID-19 em voos domésticos e internacionais de e para Toronto.

De acordo com o site do Governo do Canadá, 20 voos domésticos de e para Toronto relataram casos positivos. Os voos reportados vão de 20 de fevereiro a 26 de fevereiro, sendo a maioria reportada de voos da Air Canada. Os voos domésticos afetados são os seguintes:



Quanto aos voos internacionais, foram notificados 41 casos de COVID-19 entre os dias 20 e 27 de fevereiro.

As companhias aéreas afetadas incluem Lufthansa, United Airlines, China Eastern, Emirates, Pakistan International Airlines, American Airlines, Delta, Air Canada, Etihad Airways, British Airways, Air France, Eva Air, Turkish Airlines, Air India e Caribbean Airlines.

Aqui está uma lista dos voos internacionais afetados:




Agora é necessário que aqueles que estão retornando ao Canadá façam um teste e, enquanto aguardam o resultado, precisarão ficar em quarentena por três dias em um hotel supervisionado - um total de US $ 2.000 por pessoa.

Para os viajantes que estão entrando no país, o governo do Canadá acrescentou mais nove hotéis no Aeroporto Pearson de Toronto à sua lista de hotéis aprovados, elevando o total para 13 para escolher.

“Se você voltou recentemente ao Canadá, deve ficar em quarentena por 14 dias a partir da data em que chegou ao Canadá. Isso é obrigatório, quer você tenha ou não sintomas”, diz o site do governo. Para obter informações atualizadas ou para ver se seu voo foi afetado, visite o site do Governo do Canadá.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você vai se imunizar contra o novo coronavírus (Covid-19)?

87.9%
4.0%
8.1%