MENU

11/03/2021 às 10h34min - Atualizada em 11/03/2021 às 10h34min

"Não somos uma família racista", responde príncipe William a denúncias do ex-casal real

O palácio disse ainda que se trata de um assunto de família que deve ser resolvido de forma privada

Redação North News
com informações da CNN
Foto: Brian Lawless/AFP
 
O príncipe William disse, nessa quinta-feira (11), que a família real britânica não é racista.

A afirmação veio em resposta as denúncias feitas pelo ex-casal real, que disse que um membro não identificado da família perguntou se a pele de seu filho poderia ser muito escura. A revelação surgiu durante uma entrevista explosiva que Harry e Meghan deram a Oprah Winfrey que foi ao ar no domingo.

Em visita a uma escola no leste de Londres, William disse que não falava com Harry desde que a entrevista foi ao ar.

Questionado por um repórter se a família real era racista, William disse: "Não somos uma família racista".

Na entrevista de duas horas, Meghan também disse que a realeza ignorou seus pedidos de ajuda enquanto ela tinha sentimentos suicidas. Já Harry disse que seu pai, o herdeiro do trono, príncipe Charles, o decepcionou e que ele se sentiu preso.

Na terça-feira, o Palácio de Buckingham emitiu um comunicado em nome da Rainha Elizabeth II, a avó dos príncipes, no qual ela disse que a família estava triste com os desafios que o casal havia encontrado nos últimos anos.

O comunicado acrescentou que as questões raciais eram preocupantes e seriam tratadas com muita seriedade, mas afirmou claramente que "algumas lembranças podem variar". O palácio disse ainda que se trata de um assunto de família que deve ser resolvido de forma privada.

Para grande parte do público, a entrevista foi um ataque egoísta que nem Elizabeth II nem sua família mereciam.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você vai se imunizar contra o novo coronavírus (Covid-19)?

87.4%
4.8%
7.8%