MENU

22/04/2021 às 08h49min - Atualizada em 22/04/2021 às 08h49min

Hospital investiga funcionário que recebeu salário por 15 anos sem trabalhar

Durante esse período o homem recebeu mais de meio milhão de euros

Redação North News
Hospital público Pugliese-Ciaccio em Catanzaro
Um hospital da Itália está investigando um homem de 67 anos que é suspeito de receber um salário durante 15 anos, mas sem trabalhar para isso. As investigações apontam que ele sacou € 538.000 durante esse período. 

Agora, seis funcionários do hospital público estão sob investigação e o homem é suspeito de fraude, extorsão e abuso de poder. Até o momento a identidade do dele não foi divulgada. 

A polícia financeira da Itália afirmou que o funcionário fantasma foi oficialmente contratado em 2005 para o departamento de segurança contra incêndios do hospital público Pugliese-Ciaccio em Catanzaro. Segundo a polícia, alguém teria ameaçado um superior do hospital para que não parassem de pagar o homem. Oficialmente, o suspeito foi demitido em outubro do ano passado.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você vai se imunizar contra o novo coronavírus (Covid-19)?

87.6%
4.7%
7.7%