MENU

20/01/2021 às 11h00min - Atualizada em 20/01/2021 às 11h00min

Galeria virtual levanta debates sobre saúde mental infantil na pandemia

Maior parte das obras expressa o sentimento de solidão

Luana Saturnino
Foto: Reprodução/Child Art
 
A galeria canadense Child Art está aberta para visitação online e contribuição do público. O estudo sociológico é mais um fruto da pandemia Covid-19, que assombra 2021.

O projeto tem como idealizadora a Dra. Nikki Martyn, coordenadora do programa de Educação da Primeira Infância na Universidade de Guelph-Humber.

“Eu ensino a pessoas como ensinar, apoiar e cuidar de crianças. Queremos saber sobre suas experiências durante a pandemia. Nossas vidas mudaram. Queremos saber o que você pensa, sente e passa, porque como uma criança você tem um entendimento importante e diferente sobre o mundo. E único”, explica a profissional em vídeo destinado ao publico infantil.

O acervo recebido e exposto pelo projeto apresenta desenhos, pinturas, fotografias, textos e ate mesmo esculturas.

A maior parte das obras expressa o sentimento de solidão, o sentimento mais característico deste momento histórico.

As obras de arte estão sendo coletadas desde setembro de 2020 e já passam de 120 peças. As expressões artísticas de crianças de 2 anos até adolescentes de 18 anos de idade compõem a exibição, sendo a maioria de 14 até 17 anos.

Muitas imagens descrevem ansiedade, isolamento e aflição.

Nikki Martyn afirma que muitos participantes relataram em texto as preocupações domesticas: dificuldade de acompanhar o ensino escolar, pais que perderam seus empregos e até luto.

Para as famílias que quiserem contribuir com o projeto, basta entrar no website e seguir as informações.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você vai se imunizar contra o novo coronavírus (Covid-19)?

87.1%
4.3%
8.6%