MENU

07/01/2021 às 11h00min - Atualizada em 07/01/2021 às 11h00min

Invasão ao Congresso dos EUA tem saldo de 4 mortes e 52 prisões

14 policiais ficaram feridos

Redação North News
Foto: Julio Cortez/AP
 
A polícia da capital americana Washington informou que quatro pessoas morreram durante a invasão ao Capitólio, edifício sede do Congresso dos Estados Unidos, nesta quarta-feira (6).

Manifesto violento foi praticado por partidários de Donald Trump que não aceitam o resultado das eleições e interromperam a sessão que certificaria Joe Biden como presidente eleito. Quatorze policiais ficaram feridos.

Entre os mortos, está uma mulher apoiadora de Trump baleada pela guarnição que faz a segurança do Capitólio.

A vítima era a veterana de guerra Ashli Babbit, que serviu por 14 anos na Força Aérea e era vista como 'muito patriota e grande apoiadora de Trump'. Ela foi atendida no hospital, mas não resistiu aos ferimentos.

As autoridades não deram detalhes sobre as demais vítimas. Segundo a polícia, elas sofreram "emergências médicas" do lado de fora do edifício.

Por causa do incidente, a prefeita de Washington, Muriel Bowser, declarou toque de recolher na cidade, medida que ficou em vigor por 12 horas. A prefeitura também fechou os centros de testagem para a Covid-19.

O governador de Virginia, Ralph Northam, declarou estado de emergência e também estabeleceu um toque de recolher nas regiões de Arlington e Alexandria, que ficam nas proximidades de Washington DC.

De acordo com a polícia de Washington DC, 52 pessoas foram presas, das quais 47 por desrespeitarem o toque de recolher.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você vai se imunizar contra o novo coronavírus (Covid-19)?

87.1%
4.3%
8.6%