MENU

06/07/2021 às 19h22min - Atualizada em 06/07/2021 às 19h22min

Forza Italia

Azzurra derruba Espanha nos pênaltis e avança à final da Euro 2021

Leandro Mendonça
Twitter/@EURO2020

A tarde desta terça-feira vai ser especial para todos os italianos ao redor do Mundo. Após empatar o jogo em 1 a 1 com a Espanha, a Azzurra conseguiu a vaga na final da Euro 2021 nos pênaltis. O adversário vai sair da partida entre Inglaterra e Dinamarca, que se enfrentam nesta quarta-feira(06), às 16 horas, de Brasília.

 

O JOGO

 

A seleção da Espanha entrou em campo com o melhor ataque da competição. A Itália como o time que mais ficava com a bola no pé. A Fúria tinha levado a melhor na decisão da Euro 2012, após 4 a 0. A Azzurra vinha com 32 jogos de invencibilidade e a melhor campanha dos quatro semifinalistas.

E a equipe de Luis Enrique partiu para cima, avançando suas linhas de marcação para atrapalhar a posse de bola dos jogadores italianos.

 

Aos 24 minutos, Donnarumma fez bela defesa após chute do jovem atacante Olmo. A Itália só assustou aos 44, quando Emerson chutou com pouca força no travessão. E foi tudo!

Na segunda etapa, o jovem goleiro do PSG continuou fechando o gol. E foi ele quem iniciou a jogada do gol italiano, aos 14 minutos. Em um contra-ataque mortal, a bola chegou para Chiesa, que limpou para o meio e bateu forte, na costura da rede, sem chance para Unai Simón. Estava aberto o marcador.

 

Aos 21, Olmo fez bela jogada com Oyarzabal, na entrada da área e chutou com força, para fora. Quando a Itália parecia melhor, a Espanha respondeu com o empate. Morata, que começou no banco, tabelou com Olmo e finalizou na saída do goleiro italiano, que nada pôde fazer.

 

Sem forças para continuar com aquele ritmo, as duas seleções passaram a esperar pela prorrogação. A Azzurra passou momentos de perigo, principalmente com Olmo e Morata, aos 7 minutos do primeiro tempo. Donnarumma espalmou para o meio da área, o atacante da Juventus chutou de trivela e Chiellini cortou em cima da linha. E a pressão espanhola continuou até o fim do tempo extra.

 

PENALIDADES

 

Não havia mais pernas para ninguém. Os italianos presentes viram Locatelli recuar a cobrança para Unai Simón e os espanhóis viram Olmo bater um tiro de meta. A Itália converteu três pênaltis seguidos (Belotti, Bonucci e Bernardeschi) e a Espanha caminhava para a mesma sequência, mas Morata desperdiçou sua cobrança, ao bater no canto esquerdo de Donnarumma. Depois, o brasileiro Jorginho, naturalizado italiano, apenas deslocou Unai Simón para garantir a vaga na final.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você vai se imunizar contra o novo coronavírus (Covid-19)?

87.6%
4.7%
7.6%