MENU

03/08/2021 às 17h41min - Atualizada em 03/08/2021 às 17h41min

O acampamento de Muskoka Woods foi cancelado logo após a chegada das crianças devido ao surto de COVID-19

Foram relatados vários casos e Woods não teve outra alternativa a não ser mandar as crianças embora

Redação North News
680 News
INSTAGRAM/@muskokawoods

Poucas horas depois que os pais deixaram seus filhos no acampamento de verão Muskoka Woods em Rosseau, Ontário, no domingo, eles tiveram que voltar e pegá-los de volta.

 

Sherrie Mae Guthrie disse que planejavam um acampamento desde o Natal e que seu filho de 12 anos ficaria em Muskoka Woods por uma semana.

 

Depois de uma viagem de quatro horas de Clifford, Ontário, ela o deixou por volta das 15 da tarde. Aproximadamente três horas depois, quando Guthrie estava na metade do caminho de volta para casa, seu telefone estava “explodindo”.

 

“[Meu filho] ligou e disse 'mamãe, você tem que voltar, é o COVID'”, disse Guthrie. Após um momento de descrença e conversando com um conselheiro do acampamento pouco depois, Guthrie voltou para buscá-lo.

 

Ela disse que o acampamento foi muito transparente e enviou um e-mail no sábado dizendo que havia um caso positivo de COVID-19 no acampamento, para que os pais ficassem sabendo da situação.

 

O acampamento está na quinta semana de operações e, em um e-mail para os pais, os administradores disseram que os hóspedes foram informados na chegada no domingo que havia uma “situação de surto” devido a vários casos em bando.

 

No entanto, por volta das 17h, eles descobriram um caso positivo adicional fora do bando original e tomaram a decisão de cancelar a quinta semana do acampamento. Os pais foram solicitados a buscar seus filhos o mais rápido possível ou o mais tardar na tarde de segunda-feira.

 

Guthrie diz que cerca de 450 crianças foram mandadas para casa, mas seu filho não ficou tão desapontado quanto ela.

 

“Ele disse que aquelas quatro horas foram incríveis”, disse ela “Acho que estou mais desapontada porque tive ótimas experiências de acampamento, então espero que meu filho possa ter a experiência de conhecer um novo grupo de amigos ao longo da vida."

 

Guthrie acrescenta que ficou muito impressionada com a forma como a situação foi tratada e a transparência demonstrada pelos administradores do campo.

 

Embora Muskoka Woods não tenha vagas para as próximas semanas, ela colocou seu filho na lista de espera e, se uma vaga abrir, ela diz que o enviará. Sua filha também deve ir para o mesmo acampamento em 15 de agosto e Guthrie espera que a situação do surto esteja sob controle até então.

 

Em uma declaração, Muskoka Woods reconheceu que “há um número muito pequeno de casos de COVID-19 positivos que não estão mais no local em Muskoka Woods”.

 

O acampamento também decidiu cancelar a quinta semana da temporada de acampamento.

 

“Com a saúde e segurança de nossos hóspedes e funcionários sendo nossa prioridade, tomamos a decisão de cancelar a Semana 5”, disse o comunicado. “Continuamos a seguir todos os protocolos de saúde pública e estamos trabalhando em estreita colaboração com eles em uma data em que poderemos reabrir.”

 

“Nossos corações estão doendo por todas as crianças que perderam tudo o que o acampamento de verão tem a oferecer”, disse John McAuley, presidente e CEO da Muskoka Woods.


Co-autora: Amanda Rodrigues Leal


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você vai se imunizar contra o novo coronavírus (Covid-19)?

87.4%
4.8%
7.8%