MENU

12/08/2021 às 16h44min - Atualizada em 12/08/2021 às 16h44min

B.C. torna as vacinas de COVID-19 obrigatórias para trabalhadores em cuidados de longa duração e instalações de vida assistida

Houve um ressurgimento no surto do vírus nesses locais

Redação North News
CTV News
THE CANADIAN PRESS/Chad Hipolito
VANCOUVER - Em meio a preocupações crescentes sobre a variante Delta altamente contagiosa, o governo de B.C. decidiu tornar a vacinação contra COVID-19 obrigatória para trabalhadores em lares de longa permanência e instalações de vida assistida.
 
A política foi anunciada nesta quinta-feira, 12, pela oficial de saúde da província, Dra. Bonnie Henry e o Ministro da Saúde de B.C. Adrian Dix. Henry observou que houve um ressurgimento de surtos de COVID-19 no sistema de cuidados de longo prazo da província nas últimas semanas.
 
“Agora temos oito surtos introduzidos por pessoas não vacinadas”, disse Henry. "E vimos a propagação tanto para residentes quanto para funcionários, causando doenças, mas também perturbando a vida das pessoas em cuidados de longa duração."
 
As autoridades têm enfrentado crescentes pedidos de vacinas obrigatórias para os trabalhadores domiciliares, incluindo os defensores de idosos de B.C., mas o governo passou semanas insistindo que exigir que os funcionários não vacinados usem equipamento de proteção individual adicional e se submetam a testes regulares seria suficiente.
 
Henry disse que essa abordagem se mostrou ineficaz em face das variantes preocupantes do COVID-19.
 
"Agora vimos com a transmissão das novas variantes que precisamos de proteção extra nesta situação de alto risco", disse a oficial de saúde da província.
 
“Mesmo quando a imunização dos residentes é alta, como é generalizada nas instalações desta província, vimos transmissão de funcionários não vacinados”.


Co-autora: Amanda Rodrigues Leal

 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você vai se imunizar contra o novo coronavírus (Covid-19)?

87.5%
4.8%
7.7%