MENU

20/08/2021 às 11h58min - Atualizada em 20/08/2021 às 11h58min

EUA estendem as restrições de viagem na fronteira com o Canadá por mais 30 dias

Viajantes estadunidenses podem entrar no Canadá para viagens não essenciais desde 9 de agosto

Redação North News
CTV News
THE CANADIAN PRESS/ Geoff Robins

TORONTO - Os Estados Unidos estão estendendo as restrições às viagens não essenciais através de suas fronteiras terrestres e de balsa com o Canadá e o México até 21 de setembro.

 

O Departamento de Segurança Interna dos Estados Unidos tweetou nesta sexta-feira (20) que as medidas permanecem em vigor para "minimizar a disseminação de COVID-19, incluindo a variante Delta".

 

Americanos totalmente vacinados podem entrar no Canadá para visitas não essenciais desde 9 de agosto.

 

“Em coordenação com especialistas em saúde pública e médicos, o DHS continua trabalhando em estreita colaboração com seus parceiros nos Estados Unidos e internacionalmente para determinar como retomar as viagens normais de forma segura e sustentável”, disse o departamento.

 

Alguns canadenses, especialmente aqueles com entes queridos nos EUA, expressaram frustração por ainda não conseguirem cruzar a fronteira para uma visita.

 

Viagens aéreas para os EUA são permitidas com certas condições, incluindo prova de um teste de COVID-19 negativo ou prova de que o viajante se recuperou de uma infecção por COVID-19 nos últimos 90 dias.

 

As restrições sobre viagens não essenciais na fronteira com os EUA estão em vigor desde março de 2020.

 

Agora que as restrições foram amenizadas no lado canadense da fronteira, os americanos visitantes devem ser totalmente imunizados com uma das quatro vacinas de COVID-19 aprovadas pela Health Canada: Pfizer-BioNTech, Moderna, Oxford-AstraZeneca, também conhecida como Covishield, e a dose única da Johnson & Johnson.

 

Eles também têm que mostrar a prova de um teste molecular negativo para COVID-19 com não mais de 72 horas e usar o aplicativo ArriveCAN ou portal online para carregar seus detalhes de vacinação.

 

O governo dos Estados Unidos tem sido criticado por sua abordagem às restrições de fronteira terrestre nos últimos meses, com políticos como o deputado de Nova York Brian Higgins dizendo que mantê-las "prejudica famílias separadas e prejudica oportunidades de recuperação econômica".


Co-autora: Amanda Rodrigues Leal


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você vai se imunizar contra o novo coronavírus (Covid-19)?

87.4%
4.8%
7.8%