MENU

25/08/2021 às 17h12min - Atualizada em 25/08/2021 às 17h12min

Caso de assassinato de família muçulmana em London, Ontário foi adiado até 22 de setembro

O suspeito, Nathaniel Veltman, está sob custódia no Centro de Detenção Elgin-Middlesex

Redação North News
CTV News
CTV News

O suspeito de um ataque de veículo em London, Ontário que matou quatro membros de uma família muçulmana fez uma breve aparição no tribunal nesta quarta-feira, 25.

Nathaniel Veltman apareceu por vídeo chamada do Centro de Detenção Elgin-Middlesex. Seu caso foi adiado até 22 de setembro.

 

Veltman, 20, é acusado de quatro acusações de assassinato em primeiro grau e uma de tentativa de homicídio, pelo acidente de 6 de junho que a polícia diz ter constituído um ataque terrorista contra muçulmanos.

 

Talat Afzaal, 74; seu filho Salman Afzaal, 46; sua esposa Madiha Salman, 44; e sua filha Yumnah, de 15 anos, foram mortos naquele dia.

 

O irmão de nove anos de Yumnah, Fayez, ficou gravemente ferido no ataque. Ele já teve alta do hospital.

 

A família estava passeando pela Hyde Park Road na South Carriage Road quando foram atropelados por uma caminhonete preta.

 

Uma proibição de publicação sobre o processo está em vigor.


Co-autora: Amanda Rodrigues Leal


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você vai se imunizar contra o novo coronavírus (Covid-19)?

87.4%
4.8%
7.8%