MENU

28/09/2021 às 15h20min - Atualizada em 28/09/2021 às 15h20min

O pastor Artur Pawlowski é preso novamente em Calgary

Ele e seu irmão estão sendo acusados de quebrar protocolos de saúde pública em cultos

Redação North News
CTV News
File photo
Um pastor de Calgary acusado de desrespeitar repetidamente as medidas de segurança pública foi recebido por membros da Agência de Serviços de Fronteiras do Canadá na tarde de segunda-feira (27) depois que pousou na cidade em um vôo privado.
 
A advogada que representa Artur Pawlowski confirma que seu cliente foi preso no aeroporto por desacato a acusações judiciais.
 
De acordo com Sarah Miller, uma audiência de fiança foi realizada na noite de segunda-feira e o pastor foi posteriormente libertado. As condições de libertação de Pawlowski incluem manter a paz e bom comportamento.
 
O pastor, assim como seu irmão Dawid Pawlowski, foram ambos considerados culpados de desacato por violar as ordens de segurança pública contra o COVID-19. Os Pawlowskis hospedaram e participaram de reuniões ilegais e realizaram cultos em uma igreja no sudeste de Calgary, onde as regras de máscara e distanciamento físico foram violadas.
 
Em junho, os irmãos foram considerados culpados de desacato depois de violar deliberadamente as ordens de saúde da COVID-19.
 
Em uma audiência de condenação no início deste mês, os Serviços de Saúde de Alberta pediram que Artur fosse preso por 21 dias e Dawid condenado a 10 dias. O tribunal foi solicitado a multar Artur em US $ 2.000 e impor US $ 15.000 em custos.
 
A decisão sobre o assunto é esperada em 13 de outubro.

O vídeo da prisão está sendo veiculado na internet, principalmente no Facebook, e o assunto tem sido abordado por muitos pastores e insituições religiosas.

Você pode ver o vídeo do momento da prisão aqui.

Co-autora: Amanda Rodrigues Leal

 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você vai se imunizar contra o novo coronavírus (Covid-19)?

87.2%
5.2%
7.6%