MENU

28/09/2021 às 16h18min - Atualizada em 28/09/2021 às 16h18min

O PM Trudeau nomeará novo gabinete em outubro e o Parlamento retornará no final deste outono

O Primeiro Ministro ainda detalhou algumas ações de seu governo quanto ao mandato de vacinas contra o COVID-19

Redação North News
CTV News
THE CANADIAN PRESS/Justin Tang
O Primeiro-Ministro Justin Trudeau diz que pretende nomear seu novo gabinete em outubro, trazer o Parlamento de volta “antes do fim do outono” e implementar o prometido mandato federal de vacinas o mais rápido possível.
 
Em sua primeira grande coletiva de imprensa desde as eleições federais de 20 de setembro, em que os canadenses entregaram aos liberais outra minoria, Trudeau disse que confirmou nesta terça-feira (28) com a Governadora Geral Mary May Simon sua intenção de formar o próximo governo.
 
“Acabamos de passar por uma eleição em que os canadenses deixaram bem claro o tipo de coisas que querem que trabalhemos, e estou ansioso para entrar nisso”, disse Trudeau.
 
Embora tenha outras decisões importantes do gabinete a tomar, ele já pediu a Chrystia Freeland para continuar como Vice-Primeira-Ministra e Ministra das Finanças, o que ela aceitou.
 
O Primeiro-Ministro disse que vai ter conversas com o resto de sua lista ministerial desejada nas próximas semanas, enquanto trabalha para recuperar o equilíbrio de gênero em sua bancada pós-eleitoral.
 
"As datas exatas ainda precisam ser acertadas, mas estamos ocupados entrando no negócio de cumprir uma agenda ambiciosa que os canadenses traçaram", disse Trudeau.
 
Citando a recente libertação de Michael Kovrig e Michael Spavor e ligações com premiers provinciais e o presidente dos EUA Joe Biden desde a eleição de segunda-feira passada, Trudeau disse que tem estado ocupado e tem "muito trabalho pela frente... ao lado de Chrystia, e por vir, uma equipe extraordinária de ministros e deputados liberais”.
 
O Primeiro-Ministro disse que escolheu visitar uma clínica de vacinas antes de responder a perguntas nesta terça, porque superar a crise do COVID-19 continua sendo sua prioridade.
 
Especificamente, Trudeau reafirmou sua intenção prometida de implementar um mandato de vacinas federal que incluirá tornar a vacinação contra o COVID-19 uma exigência para funcionários federais e certificar-se de que qualquer pessoa com 12 anos ou mais que queira embarcar em um avião ou trem doméstico seja totalmente vacinada.
 
O Primeiro-Ministro também disse que seu governo avançará com um passaporte internacional de vacinas para canadenses totalmente imunizados que desejam viajar para o exterior, arcará com a conta das províncias que já avançaram com seus próprios sistemas de certificados de vacinas e imporá sanções criminais àqueles que assediarem os trabalhadores da saúde.


Co-autora: Amanda Rodrigues Leal

 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você vai se imunizar contra o novo coronavírus (Covid-19)?

87.2%
5.2%
7.6%