MENU

01/11/2021 às 11h19min - Atualizada em 01/11/2021 às 11h19min

Greve de funcionários públicos em New Brunswick se expande para mais áreas da província

As aulas voltaram a ser online na província por conta da greve

Redação North News
CTV News
STEPHEN MACGILLIVRAY / THE CANADIAN PRESS

A greve de 22.000 funcionários públicos sindicalizados em New Brunswick está afetando mais serviços e pessoas em toda a província.

 

Todas as escolas mudaram para o ensino online hoje, depois que o governo tomou a decisão no domingo de bloquear sindicatos em duas localidades que afetam as escolas.

 

Esses trabalhadores incluem zeladores, motoristas de ônibus, assistentes de biblioteca escolar e funcionários de apoio administrativo, bem como alguns assistentes educacionais.

 

O Ministro da Educação, Dominic Cardy, disse que a medida foi feita para dar estabilidade aos alunos e famílias, mas o sindicato diz que o governo está sendo pesado.

 

O Premier Blaine Higgs diz que a ação de greve se expandiu para impactar hospitais em Moncton, Saint John e Campbellton, que estão nas regiões vulneráveis do COVID-19 da província.

 

O Premier disse que uma ordem de volta ao trabalho é possível, mas no final do domingo ele continuava avaliando a situação.


Co-autora: Amanda Rodrigues Leal


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você vai se imunizar contra o novo coronavírus (Covid-19)?

87.6%
5.1%
7.3%