MENU

02/11/2021 às 11h30min - Atualizada em 02/11/2021 às 11h30min

Governo de B.C. aplica para remover penalidades criminais por posse de pequenas quantidades de drogas

Ministra da Saúde Mental e Dependências acredita que medida melhorará cuidados a pessoas com vício em drogas

Redação North News
City News
THE CANADIAN PRESS/Darryl Dyck

A Colúmbia Britânica está solicitando ao governo federal a remoção das penalidades criminais por posse de pequenas quantidades de drogas ilícitas.

 

A Ministra da Saúde Mental e Dependências, Sheila Malcolmson, diz que o uso e a dependência de substâncias é um problema de saúde pública e não criminoso, razão pela qual a província acredita que a remoção das penalidades por posse ajudará mais pessoas a obter os cuidados de que precisam.

 

Números divulgados em setembro pelo BC Coroners Service mostram que houve 1.204 mortes por drogas ilícitas entre janeiro e o final de julho, um salto de 28% em relação ao mesmo período em 2020.

 

O legista diz que os primeiros sete meses deste ano foram os mais mortais desde que uma emergência de saúde foi declarada em 2016, e julho foi o 17º mês consecutivo em que mais de 100 residentes de B.C. morreram de um suprimento de drogas tóxicas.

 

No mês passado, Toronto disse que também estava se preparando para pedir à Health Canada uma isenção sob a Lei de Drogas e Substâncias Controladas para descriminalizar a posse de drogas ilícitas para uso pessoal na cidade, após um pedido semelhante feito por Vancouver em maio.

 

O Toronto Public Health disse que um total de 521 mortes confirmadas por overdose de opióides foram registradas na cidade no ano passado, o que representou um aumento de 78% em relação às mortes registradas em 2019.


Co-autora: Amanda Rodrigues Leal


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você vai se imunizar contra o novo coronavírus (Covid-19)?

87.6%
5.1%
7.3%