MENU

03/11/2021 às 13h43min - Atualizada em 03/11/2021 às 13h43min

Governo de Newfoundland e Labrador confirma que ataque cibernético derrubou rede de saúde

Milhares de consultas médicas foram desmarcadas e outros milhares de procedimentos não emergenciais serão cancelados hoje e amanhã

Redação North News
CTV News
iStock

O ministro da saúde de Newfoundland e Labrador confirmou nesta quarta-feira, 03, que os problemas de TI que estão causando interrupções no sistema de saúde da província são resultado de um ataque cibernético.

 

Durante uma coletiva de imprensa nesta quarta, o Ministro da Saúde, John Haggie, não forneceu detalhes sobre o tipo de ataque ou se os dados foram perdidos.

 

“Neste estágio de nossa investigação, podemos confirmar que fomos vítimas de um ataque cibernético que afetou nossos sistemas de saúde”, disse Haggie. “Contratamos especialistas em segurança cibernética para nos ajudar a investigar e resolver e informamos as autoridades competentes.”

 

O ataque cibernético foi detectado no sábado e levou ao cancelamento de milhares de consultas médicas em toda a província e forçou alguns sistemas de saúde locais a voltarem ao papel.

 

Haggie diz que as equipes estão trabalhando "24 horas por dia" para lidar com a situação, mas ele disse que as informações eram limitadas no momento.

 

“Os envolvidos no ataque podem estar monitorando o que dizemos na mídia. É muito importante que não façamos ou digamos nada que comprometa os esforços para investigar e resolver este assunto”, disse Haggie.

 

A província ativou seu centro de operações de emergência provincial, e cada uma das Autoridades Regionais de Saúde está em uma situação de ‘Código Cinza’.

 

Haggie disse que os piores impactos do sistema estão na zona Western Health, e que o sistema foi retirado do ar na manhã desta quarta-feira.

 

A Eastern Health e a Central Health também dizem que esperam continuar cancelando milhares de procedimentos não emergenciais na quarta e quinta-feira.

 

Pat Hepditch, um especialista em sistemas do centro de informações de saúde da província, diz que um processo de restauração está em andamento, embora ele acrescente que a extensão total dos danos ainda é desconhecida e não está claro quando as coisas vão voltar ao normal.


Co-autora: Amanda Rodrigues Leal


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você vai se imunizar contra o novo coronavírus (Covid-19)?

87.6%
5.1%
7.3%