MENU

02/12/2021 às 13h59min - Atualizada em 02/12/2021 às 13h59min

Ontário deve anunciar elegibilidade ampliada para terceira dose da vacina contra o COVID-19 nesta quinta-feira

O diretor médico de saúde de Ontário fará um anúncio numa coletiva de imprensa na tarde de hoje

Redação North News
CTV News
Nathan Papes/The Springfield News-Leader via AP, File

Mais pessoas em Ontário logo se tornarão elegíveis para receber uma terceira dose da vacina contra o COVID-19.

 

O diretor médico de saúde da província deve anunciar as novas regras em uma entrevista coletiva na tarde desta quinta-feira, 02.

 

As diretrizes atuais de Ontário limitam as vacinas de reforço a certas populações de alto risco, incluindo pessoas com mais de 70 anos, residentes em lares de longa permanência e aposentados, indivíduos que receberam duas doses da vacina AstraZeneca, pessoas imunocomprometidas e indígenas.

 

Os indivíduos também têm que esperar pelo menos seis meses após receberem a segunda dose para receber o reforço em Ontário.

 

O CEO da Ontario Pharmacists Association diz que é "possível" que Ontário se alinhe com as recomendações esperadas do Comitê Consultivo Nacional sobre Imunização (NACI) e reduza a elegibilidade de idade para 50.

 

"Estamos esperando o anúncio para saber todos os detalhes", disse Justin Bates ao CTV News Toronto. "Nós entendemos que o NACI está prestes a fazer uma recomendação esta semana, provavelmente na sexta-feira, que reforços devem ser recomendados e encorajados para aqueles que têm 50 anos ou mais, e é muito possível que a província se alinhe com o mesmo limite."

 

Bates acrescentou que recomendaria abrir a elegibilidade a todas as faixas etárias, ao mesmo tempo que segue o prazo recomendado de seis meses.

 

"Isso nos permitirá fazer isso de maneira escalonada, gerenciar a demanda e o fornecimento e garantir que todos tenham imunidade e eficácia ideais das vacinas contra as variantes, porque a imunidade diminui após seis meses. Sabemos disso pelos dados atuais e é por isso que os reforços serão tão importantes."

 

A nova elegibilidade para reforço ocorre quando os funcionários confirmam vários casos da nova variante do Omicron em Ontário.

 

Como resultado da nova variante, o governo federal implementou restrições contra viajantes de países selecionados da África do Sul, bem como novos requisitos de testagem de COVID-19 para todos que entram no Canadá, exceto aqueles que vêm dos Estados Unidos.

 

Na segunda-feira, a província estava recebendo 3,7 milhões de doses da vacina contra o COVID-19.

 

O governo havia dito anteriormente que as doses de reforço estariam disponíveis gradualmente para o público em geral com base na idade e nos fatores de risco a partir do início de 2022.


Co-autora: Amanda Rodrigues Leal


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você vai se imunizar contra o novo coronavírus (Covid-19)?

87.2%
5.9%
6.9%