MENU

10/05/2022 às 11h24min - Atualizada em 10/05/2022 às 11h24min

Bombas subindo

Preço do combustível revolta caminhoneiros no Canadá

Leandro Mendonça
Website/saltwire.com
Caminhoneiros e motoristas agora devem “apertar o cinto” diante do forte aumento do preço do diesel, que quase dobrou em poucos meses em Quebec. 
 
“Cancelamos nossa viagem, um cruzeiro dos sonhos para o Alasca. É muito arriscado. Se o preço do diesel não cair, não teremos mais dinheiro para pagar as despesas durante a viagem”, lamenta Mike Hollister, um caminhoneiro de Ontário que estava em Sainte-Julie, subúrbio de Montreal.
 
Para limitar suas despesas, ele prepara todos os seus almoços ou cozinha com antecedência em seu caminhão. E ele não pára mais para tomar um bom café quente enquanto dirige.
 
“Meu salário é nossa única renda familiar e, com os pagamentos do caminhão, fica muito difícil juntar dinheiro”, acrescenta.

 

$ 2.000 para um tanque completo
 

O homem das Cataratas do Niágara abastece seu caminhão pelo menos duas vezes por semana. Cada tanque cheio são menos dois mil dólares na conta.
 
Pai de quatro filhos, ele acredita que seu trabalho, que o leva a sair por longos períodos, já valeu o sacrifício. Ele agora está pensando em se reinventar se os preços em alta continuarem.
 
E ele não é o único a protestar contra o preço exorbitante do diesel. Na segunda-feira, centenas de caminhoneiros foram a Quebec mostrar sua revolta.


 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você vai se imunizar contra o novo coronavírus (Covid-19)?

86.7%
7.1%
6.2%