MENU

16/04/2021 às 10h24min - Atualizada em 16/04/2021 às 10h24min

Toque de recolher não deve estar entre as novas medidas restritivas em Ontário

Regramento pode prever multa para empresas não essenciais que não permitirem home office

Redação North News
THE CANADIAN PRESS / Frank Gunn
O toque de recolher não deve estar entre as novas medidas que serão anunciadas, provavelmente, ainda nesta sexta-feira (16) pelo primeiro-ministro Doug Ford. A informação foi divulgada pelo jornal CP24 por meio de uma fonte anônima. 

Nessa quinta-feira (15) o gabinete de Ford se reuniu para definir medidas a serem impostas para diminuir a propagação da covid-19 na província. O líder liberal Stephen Del Duca disse ontem que o PM deveria considerar até mesmo o toque de recolher e "fechar certas partes da economia". 

Além da fonte anônimia, o prefeito de Toronto, John Tory, também disse não acreditar na implementação de um toque de recolher. “Eu não sou um grande fã disso (um toque de recolher) principalmente porque acho que a questão da fiscalização se torna algo que tem que fazer você pensar sobre o quão eficaz será”.

Entre as possibilidades para novas medidas está o fechamento de todos os projetos de construção que não são considerados infraestrutura crítica, outros limites em negócios não essenciais de manufatura e armazém, e a possibilidade de uma multa para o empregador que não permitir que os funcionários trabalhem de casa quando podem.

"Acho que ainda há empregadores que não desestimulam os funcionários a virem trabalhar. Não estou falando aqui de trabalhadores essenciais. Estou falando de pessoas que realmente, quando você resumir, não precisam estar no trabalho para que o funcionamento de seu trabalho continue. Eles poderiam trabalhar em casa", argumentou Tory ao CP24.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você vai se imunizar contra o novo coronavírus (Covid-19)?

87.6%
4.7%
7.6%