MENU

01/03/2021 às 18h20min - Atualizada em 01/03/2021 às 15h55min

Recebi uma carta do Governo, devo um valor exorbitante. E agora?

Saiba que dividas relacionadas ao governo podem ser negociadas em um processo de proposta aos credores, incluindo tambem as dividas de cartões de credito/linha de credito, e a solução está em um montante, em parcelas mensais fixas, a ser pagos aos credores.

Monica Guth
Um cenário tipico para uma pessoa fisica fazer a proposta (ou consolidação de dividas) aos credores, seria a seguinte:  De acordo com o extato de avaliação (notice of assessment) annual do governo, Canada Revenue Agency (também conhecido como o “Revenue Canada”), José se deparou com um valor a pagar de imposto de renda muito alto e ele não viu formas em pagar essa divida, uma vez que os juros e penalties adicionados ao saldo principal, praticamente, dobrou, e ficou fora do seu controle. José também teve o “Child Tax Credit” (abono aos dependents, menores de 18 anos) e o “GST Credits” (tambem valor trimestral pagos a individuos/familias qualificados de ressarcimento /apoio do Governo), foram suspensos por um periodo indefinido.

Ou, caso voce tiver algum penhor (garnishment) em conta bancária ou no seu contra-cheque, devido a um processo judicial do Governo, este será embargado assim que você assinar a proposta ou bancarrota, um dos serviços oferecidos pela Rumanek & Company, Trustee Licenciados. Isso significa que, diante da Lei, credor algum (incluindo o C.R.A.) tem o direito de processá-lo.

No caso do 
José, ele não fez os taxes e nem teve condições de pagar ao Governo a quantia do valor alto mensal  devido a uma combinações de varios fatores: horários de trabalho foram reduzidas e os juros/penalties aplicados aquela dívida, em valores exorbitantes.

Além de
José dever ao imposto de renda (income tax) ele também deve ao HST, que nunca foi preparado e recolhido trimetralmente ou anualmente.

Como resolver?

A resposta desta questão, que por sinal, traz muito stress, pois
José não pode ter conta bancaria, não consegue mais receber salário em contra cheque e muita instabilidade financeira, então resolveu entrar em contato com a Monica Guth, Consultora  de Crédito Registrada da “Rumanek & Company” (Trustee de Insolvência e Administradores de Propostas). Ele teve a oportunidade de ter a sua situação financeira analisada (a 1a consulta gratuita) e considerar a possibilidade de oferecer uma proposta  aos seus credores – incluindo todas as dívidas de cartões de credito, divida com o Governo inlcuindo HST também. A proposta foi foi assinada e aceita, e hoje, o cliente hoje ja re-estruturado financeirmente, voltou a ter conta bancária e ter o salário depositado em conta sem o receio que o Governo venha penhorar o salário ou conta bancária e votlou a trabalhar sem stress (seja o trabalho do ramo da construção, drywall, carpentaria, qualquer tipo de serviço por conta-propria).

Uma dívida com o governo  não pode ser adiada e deve ser endereçada immediatamente, antes que o Leão (C.R.A) envie uma intimação para penhora da conta bancária ou de salários.

Retomar o controle de suas finanças é o primeiro passo, não so apenas para diminuir a tensão em sua vida mas também melhorar o relacionamento na vida familiar e bem estar.

Nao perca mais seu tempo. Marque entre contato
já, com Monica Guth via monica@rumanek.com ou (416)665-3328, ext.307.

Lembre-se: Seu problema financeiro tem solução.
Link
Monica Guth

Monica Guth

Colunista e consultora de finanças

Tags »
Relacionadas »
Comentários »

Você vai se imunizar contra o novo coronavírus (Covid-19)?

87.9%
4.0%
8.1%