MENU

28/04/2022 às 13h17min - Atualizada em 28/04/2022 às 13h17min

Vladimir Putin em festa

A gigante russa Gazprom faturou 13 vezes mais no último ano comparado a 2020

Leandro Mendonça
Fonte: AFP
O grupo estatal russo Gazprom viu seu lucro líquido atingir 2.159 bilhões de rublos em 2021 (28,4 bilhões de euros na taxa atual), contra 162 milhões em 2020.
 
O lucro líquido atribuível aos acionistas atingiu 2.093 bilhões de rublos, ante apenas 135 milhões em 2020, ano marcado pela queda na demanda e nos preços devido à pandemia de coronavírus.
 
Este é um benefício líquido de magnitude sem precedentes.
 
"O principal fator que afetou os resultados financeiros foi o aumento do preço do gás e do petróleo", disse a Gazprom em comunicado, observando que suas vendas de petróleo bruto e condensados de gás aumentaram em valor 81% em relação a 2020.
 
O produtor russo obtém grande parte de sua receita de suas exportações europeias, principalmente para a Europa Ocidental. Em 2021, aproveitou a crise do gás na Europa devido a estoques excepcionalmente baixos que contribuíram para uma explosão de preços.
 
Por outro lado, o lucro líquido da Gazprom caiu em 2020. No conjunto do setor dos hidrocarbonetos, o ano foi marcado por um colapso dos preços e da procura de energia devido às medidas adotadas para combater a pandemia, que afetou em particular o setor dos transportes.
 
Agora, a Rússia controla o setor em toda a Europa, ameaçando países que aderiram às sanções do país do leste europeu, principalmente os vinculados à OTAN.
 
Vladimir Putin avisou que o gás da Ucrânia seria totalmente cortado nos próximos dias.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você vai se imunizar contra o novo coronavírus (Covid-19)?

86.7%
7.1%
6.2%